Voluntariado

A participação cívica permite o desenvolvimento de capacidades e competências sociais que reforçam a solidariedade.

Programas e Apoios

Banco de Voluntariado para a Cidade de Lisboa (BVL)

O BVL surgiu em 2003 e funciona como um elo de ligação entre a oferta e a procura de oportunidades de voluntariado, através da sua divulgação, apoiando o recrutamento de voluntários e o seu enquadramento em projetos. Promove ainda, em colaboração com outras entidades locais, nacionais e internacionais, iniciativas que visam a reflexão, a partilha e a disseminação de boas práticas no âmbito do voluntariado.

Increva-se como voluntário na Plataforma Voluntariado Lisboa e tenha acesso às iniciativas e oportunidades divulgadas pelas entidades promotoras de voluntariado.

Programa Municipal de Voluntariado

Este programa oferece aos munícipes a oportunidade de ser voluntário na Câmara Municipal de Lisboa, promovendo a sua aproximação aos diversos serviços municipais e às pessoas da cidade de Lisboa.

Publicado no 1.º Suplemento ao Boletim Municipal N.º 977 de 8 de novembro de 2012, garante as obrigações legais relacionadas com seguros e formação dos voluntários.

Prémio Municipal de Voluntariado

Prémio atribuído anualmente que visa distinguir o projeto/ação de voluntariado que contribua para a promoção do voluntariado na cidade de Lisboa. Poderão concorrer as pessoas coletivas que promovam atividades de reconhecido interesse para o Município de Lisboa. A atribuição do Prémio Municipal de Voluntariado está assente em normas concursais.

Programa + Voluntariado

Foi implementado em parceria com a Câmara Municipal de Lisboa e a Confederação Portuguesa do Voluntariado (entidade gestora). Decorre da iniciativa Lisboa Capital Europeia do Voluntariado 2015 e destina-se a apoiar financeiramente o desenvolvimento de pequenas ações ou projetos de voluntariado na cidade de Lisboa.

Plano de Formação

O Plano de Formação promovido pelo Núcleo de Voluntariado tem como objetivo capacitar os voluntários para o exercício do voluntariado de forma consciente e responsável, bem como os técnicos das entidades parceiras.

Enquadramento jurídico do voluntariado

Documentos: