COVID-19 Medidas e Informações

detalhe

Estão abertas as portas da Quinta da Alfarrobeira


Há um novo espaço verde em Lisboa para fazer exercício físico, um piquenique ou simplesmente passear. Os jardins da Quinta da Alfarrobeira já se encontram abertos para quem os quiser visitar.

Construída em 1727 pelo arquiteto João Frederico Ludovice para sua residência estival, a Quinta da Alfarrobeira é uma parte da história da cidade de Lisboa, e encontra-se requalificada para quem a quiser visitar.

Desde 20 de agosto, sexta-feira, que os portões deste espaço verde estão abertos a quem o quiser descobrir. As intervenções contemplaram variadas obras, desde a substituição do pavimento em calçada irregular por um pavimento lajeado de pedra, de forma a melhorar as condições de acessibilidade e segurança, até à reabilitação dos jardins.

Desta forma foi instalada uma nova rede de percursos mais acessíveis, novos equipamentos, onde se destacam um novo parque de merendas, uma zona fitness, um parque infantil e uma clareira destinada a acolher grandes eventos ao ar livre, permitindo que pequenos e graúdos possam frequentar este belo espaço verde.

Além disto, também vários elementos arquitetónicos foram reabilitados como património classificado, tal como o Tanque Suspenso Octogonal, o Nicho, a Pérgula ou o Palácio – onde se encontra sedeada a junta de freguesia.

Fica assim feito o convite para que, no próximo tempo livre, visite este recém-requalificado espaço que combinada a beleza do verde com a arquitetura do século XVIII.

Há um novo espaço verde em Lisboa para fazer exercício físico, um piquenique ou simplesmente passear. Os jardins da Quinta da Alfarrobeira já se encontram abertos para quem os quiser visitar.

Construída em 1727 pelo arquiteto João Frederico Ludovice para sua residência estival, a Quinta da Alfarrobeira é uma parte da história da cidade de Lisboa, e encontra-se requalificada para quem a quiser visitar.

Desde 20 de agosto, sexta-feira, que os portões deste espaço verde estão abertos a quem o quiser descobrir. As intervenções contemplaram variadas obras, desde a substituição do pavimento em calçada irregular por um pavimento lajeado de pedra, de forma a melhorar as condições de acessibilidade e segurança, até à reabilitação dos jardins.

Desta forma foi instalada uma nova rede de percursos mais acessíveis, novos equipamentos, onde se destacam um novo parque de merendas, uma zona fitness, um parque infantil e uma clareira destinada a acolher grandes eventos ao ar livre, permitindo que pequenos e graúdos possam frequentar este belo espaço verde.

Além disto, também vários elementos arquitetónicos foram reabilitados como património classificado, tal como o Tanque Suspenso Octogonal, o Nicho, a Pérgula ou o Palácio – onde se encontra sedeada a junta de freguesia.

Fica assim feito o convite para que, no próximo tempo livre, visite este recém-requalificado espaço que combinada a beleza do verde com a arquitetura do século XVIII.

ler mais
ler menos