detalhe

Direitos Sociais 

Portas abertas no novo Centro de Saúde de Marvila

A nova Unidade de Saúde Familiar foi inaugurada a 18 de janeiro e vai servir 22.800 utentes, num investimento de cerca de 4 M€

A nova Unidade de Saúde Familiar vai servir 22.800 utentes, num investimento de cerca de 4 M€

A abertura coincide com a semana em que arrancou o Plano de Saúde 65 +, que “conta já com 4.189 inscritos”, assinalou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas.

130 mil lisboetas “podem inscrever-se e fazer uso de serviços que colocamos à sua disposição”, como: telemedicina, médico ao domicílio, ou o transporte até ao hospital, afirmou o autarca.

Unidade de Saúde Familiar vai servir a zona baixa de Marvila

O novo centro de saúde vai prestar cuidados de saúde primários, consultas de Nutrição, Psicologia, Saúde Oral e Terapia da Fala, além de cuidados de saúde e apoio psicológico e social de âmbito domiciliário e comunitário, educação para a saúde, entre outros.

A intervenção teve como objetivo a instalação da nova Unidade de Saúde no espaço do antigo Palácio da Quinta dos Alfinetes, salvaguardando os elementos mais significativos, optando por não comprometer a sua componente estrutural original, respeitando a sua matriz de ruína.

A inauguração contou com a presença do ministro da Saúde, Manuel Pizarro, da vereadora dos Direitos Humanos e Sociais e Saúde, Sofia Athayde, e do presidente da Junta de Freguesia de Marvila, José António Videira.

Projeto cofinanciado pela União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), Programa Operacional Regional de Lisboa (PORLisboa) do Portugal 2020, com um apoio comunitário total de: 2 604 616,21 €.

 

A abertura coincide com a semana em que arrancou o Plano de Saúde 65 +, que “conta já com 4.189 inscritos”, assinalou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Carlos Moedas.

130 mil lisboetas “podem inscrever-se e fazer uso de serviços que colocamos à sua disposição”, como: telemedicina, médico ao domicílio, ou o transporte até ao hospital, afirmou o autarca.

Unidade de Saúde Familiar vai servir a zona baixa de Marvila

O novo centro de saúde vai prestar cuidados de saúde primários, consultas de Nutrição, Psicologia, Saúde Oral e Terapia da Fala, além de cuidados de saúde e apoio psicológico e social de âmbito domiciliário e comunitário, educação para a saúde, entre outros.

A intervenção teve como objetivo a instalação da nova Unidade de Saúde no espaço do antigo Palácio da Quinta dos Alfinetes, salvaguardando os elementos mais significativos, optando por não comprometer a sua componente estrutural original, respeitando a sua matriz de ruína.

A inauguração contou com a presença do ministro da Saúde, Manuel Pizarro, da vereadora dos Direitos Humanos e Sociais e Saúde, Sofia Athayde, e do presidente da Junta de Freguesia de Marvila, José António Videira.

Projeto cofinanciado pela União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), Programa Operacional Regional de Lisboa (PORLisboa) do Portugal 2020, com um apoio comunitário total de: 2 604 616,21 €.

 

ler mais
ler menos