detalhe

Educação 

Parceria entre municípios de Lisboa e Díli apresentada em Barcelona

A "Parceria para o Reforço da Governação Urbana", entre Lisboa e Díli, Timor-Leste, foi apresentada em Barcelona, de 11 a 14 de março, num evento que reuniu 57 cidades mundiais envolvidas em projetos financiados pela União Europeia.

Apresentação da “Parceria para o Reforço da Governação Urbana, Inclusão Social e Promoção do Empreendedorismo” entre os municípios de Lisboa e Díli - Barcelona

A intervenção “visa estimular a cooperação entre as cidades de Díli e Lisboa”, através do reforço da autoridade municipal da capital de Timor-Leste, e centra-se em quatro eixos: capacitar a autoridade municipal e promover intercâmbios na administração local; criação de projetos piloto em espaços públicos; estimular iniciativas empreendedoras e facilitar o acesso dos cidadãos aos serviços municipais.,

Ao longo do processo de colaboração, prestes a atingir 24 de meses de execução, foi instalado um Centro Municipal de Formação, e realizadas ações de formação e certificação em que estiveram envolvidos funcionários municipais: 202 homens e 172 mulheres.

Paralelamente, foi reforçada a troca de experiências municipais, com 23 missões entre os dois municípios, e identificadas cinco escolas – com um total de 2 513 alunos –, para integrar um programa experimental de Orçamento Participativo Escolar.

O projeto despertou “curiosidade junto dos participantes e foi bem acolhido por se tratar de uma intervenção num país jovem (Timor-Leste), em processo de descentralização administrativa”.

A “Parceria para a Melhoria da Urbanização Governança, Inclusão Social e Empreendedorismo Promoção em Díli, Timor Leste”, começou em maio de 2022 e terá a duração de 36 meses, com o apoio financeiro da União Europeia, e implementado pela União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa, a Autoridade Municipal de Díli e a Câmara Municipal de Lisboa.

A intervenção “visa estimular a cooperação entre as cidades de Díli e Lisboa”, através do reforço da autoridade municipal da capital de Timor-Leste, e centra-se em quatro eixos: capacitar a autoridade municipal e promover intercâmbios na administração local; criação de projetos piloto em espaços públicos; estimular iniciativas empreendedoras e facilitar o acesso dos cidadãos aos serviços municipais.,

Ao longo do processo de colaboração, prestes a atingir 24 de meses de execução, foi instalado um Centro Municipal de Formação, e realizadas ações de formação e certificação em que estiveram envolvidos funcionários municipais: 202 homens e 172 mulheres.

Paralelamente, foi reforçada a troca de experiências municipais, com 23 missões entre os dois municípios, e identificadas cinco escolas – com um total de 2 513 alunos –, para integrar um programa experimental de Orçamento Participativo Escolar.

O projeto despertou “curiosidade junto dos participantes e foi bem acolhido por se tratar de uma intervenção num país jovem (Timor-Leste), em processo de descentralização administrativa”.

A “Parceria para a Melhoria da Urbanização Governança, Inclusão Social e Empreendedorismo Promoção em Díli, Timor Leste”, começou em maio de 2022 e terá a duração de 36 meses, com o apoio financeiro da União Europeia, e implementado pela União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa, a Autoridade Municipal de Díli e a Câmara Municipal de Lisboa.

ler mais
ler menos