detalhe

Economia e Inovação 

Novo centro de engenharia em Lisboa vai recrutar 500 engenheiros

A startup sueca Klarna vai criar em Lisboa um novo centro de engenharia, “com o objetivo de recrutar 500 engenheiros, gestores de produto e analistas”. A apresentação do projeto decorreu dia 4 de maio, em Lisboa, e contou com a presença de Carlos Moedas.

Apresentação do centro de engenharia da Klarna em Lisboa - Carlos Moedas, presidente da CML, Yaron Shaer e Alexandre Fernandes, da Klarna

“Temos tudo para ser uma capital da inovação”, afirmou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa. A cidade, disse, é o maior centro nacional de formação de engenharia e deve criar as condições para as empresas investirem aqui.

O local do novo centro ainda não está escolhido, mas a empresa está já em Lisboa, em dois espaços, onde trabalham atualmente "cerca de vinte pessoas".

Lisboa será o nono centro de engenharia da Klarna, depois de Estocolmo (Suécia), Berlim (Alemanha), Giessen (Alemanha), Milão (Itália), Madrid (Espanha), Mannheim (Alemanha), Toronto (Canadá) e Gotemburgo (Suécia).

“Temos tudo para ser uma capital da inovação”, afirmou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa. A cidade, disse, é o maior centro nacional de formação de engenharia e deve criar as condições para as empresas investirem aqui.

O local do novo centro ainda não está escolhido, mas a empresa está já em Lisboa, em dois espaços, onde trabalham atualmente "cerca de vinte pessoas".

Lisboa será o nono centro de engenharia da Klarna, depois de Estocolmo (Suécia), Berlim (Alemanha), Giessen (Alemanha), Milão (Itália), Madrid (Espanha), Mannheim (Alemanha), Toronto (Canadá) e Gotemburgo (Suécia).

ler mais
ler menos