COVID-19 Medidas e Informações

detalhe

Habitação 

Novo Bairro da Cruz Vermelha recebe primeiras famílias realojadas

Começaram a ser entregues as casas que marcam o início do realojamento dos moradores do bairro. Ao todo, serão 130 habitações, sustentáveis e amigas do ambiente, num investimento global do município de 11 milhões de euros.

Novas habitações com tipologias evolutivas: casas que crescem com a família

As novas habitações dispõem de aproveitamento de água das chuvas, aquecimento solar de águas quentes, hortas individuais, boa exposição solar e tipologias evolutivas: casas que crescem com a família.

O “novo” Bairro da Cruz Vermelha terá um parque infantil, acessibilidade pedonal universal, acesso a transportes públicos e recolha centralizada e separativa de resíduos (eco-ilhas).

A assinatura do termo de aceitação das casas teve lugar a 9 de junho, a famílias já residentes no bairro, que passam assim das antigas casas para as novas.

A operação de construção, “uma das mais exigentes”, acentuou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, é “o maior projeto de um bairro feito pela Câmara de Lisboa, de uma só vez, e com o maior investimento: 11 milhões de euros.”

As novas habitações dispõem de aproveitamento de água das chuvas, aquecimento solar de águas quentes, hortas individuais, boa exposição solar e tipologias evolutivas: casas que crescem com a família.

O “novo” Bairro da Cruz Vermelha terá um parque infantil, acessibilidade pedonal universal, acesso a transportes públicos e recolha centralizada e separativa de resíduos (eco-ilhas).

A assinatura do termo de aceitação das casas teve lugar a 9 de junho, a famílias já residentes no bairro, que passam assim das antigas casas para as novas.

A operação de construção, “uma das mais exigentes”, acentuou o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, é “o maior projeto de um bairro feito pela Câmara de Lisboa, de uma só vez, e com o maior investimento: 11 milhões de euros.”

ler mais
ler menos