COVID-19 Medidas e Informações

Ambiente

Cultura

 

Hortas de Lisboa: o rural na cidade

Até setembro de 2021 pode visitar, no Museu de Lisboa – Palácio Pimenta, a exposição "Hortas de Lisboa, da Idade Média ao Século XXI".


As hortas de Lisboa são, desde há séculos, elementos essenciais da paisagem urbana.

Da garantia de sustento de muitas famílias ou até com uma função mais didática ou de fruição, as hortas têm sido uma marca na malha urbana da cidade e agora também nas varandas. Através de fotografia, ilustração, cartografia e muito mais, a exposição "Hortas de Lisboa, da Idade Média ao Século XXI"convida a entrar no mundo rural da cidade e a perceber a evolução que tiveram ao longo dos séculos. Divide-se em 6 grandes temas: As hortas de uma cidade, horticultores de oitocentos, Uma Lisboa de muitas hortas, Ferramentas para uma Horta na cidade, A minha horta – o meu mundo, e O Dom e o Devir das Sementes. No exterior do pavilhão pode encontrar uma pequena horta.

A exposição foi inaugurada no dia 22 de outubro com a presença de Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, e dos vereadores do Ambiente e Cultura, José Sá Fernandes e Catarina Vaz Pinto, respetivamente, e de Joana Gomes Cardoso, presidente da Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC).

Em ano de Lisboa Capital Verde Europeia esta mostra vem reconhecer o trabalho “de quem trabalha a nossa terra, os nossos hortelões”, disse José Sá Fernandes, e mostrar uma história que também é a história da cidade.

As hortas de Lisboa são, desde há séculos, elementos essenciais da paisagem urbana.

Da garantia de sustento de muitas famílias ou até com uma função mais didática ou de fruição, as hortas têm sido uma marca na malha urbana da cidade e agora também nas varandas. Através de fotografia, ilustração, cartografia e muito mais, a exposição "Hortas de Lisboa, da Idade Média ao Século XXI"convida a entrar no mundo rural da cidade e a perceber a evolução que tiveram ao longo dos séculos. Divide-se em 6 grandes temas: As hortas de uma cidade, horticultores de oitocentos, Uma Lisboa de muitas hortas, Ferramentas para uma Horta na cidade, A minha horta – o meu mundo, e O Dom e o Devir das Sementes. No exterior do pavilhão pode encontrar uma pequena horta.

A exposição foi inaugurada no dia 22 de outubro com a presença de Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, e dos vereadores do Ambiente e Cultura, José Sá Fernandes e Catarina Vaz Pinto, respetivamente, e de Joana Gomes Cardoso, presidente da Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC).

Em ano de Lisboa Capital Verde Europeia esta mostra vem reconhecer o trabalho “de quem trabalha a nossa terra, os nossos hortelões”, disse José Sá Fernandes, e mostrar uma história que também é a história da cidade.

ler mais
ler menos