COVID-19 Medidas e Informações

detalhe

Cultura 

Câmara de Lisboa lamenta a morte de João Paulo Cotrim

João Paulo Cotrim morreu hoje, 26 de dezembro, em Lisboa, aos 56 anos. A Câmara Municipal de Lisboa lamenta a morte do editor e fundador da Bedeteca de Lisboa, e envia à família e amigos as mais sentidas condolências.

©Facebook de João Paulo Cotrim

Nascido em Lisboa, a 13 de março de 1965, teve um percurso marcado pela divulgação da banda desenhada. Dirigiu a Bedeteca de Lisboa, desde a sua abertura em 1996, até 2002, tendo organizado diversas exposições, entre as quais 'Jogo da Glória – O Século XX Malvisto pelo Desenho de Humor'.

Durante quatro edições, foi diretor do Salão Lisboa de Ilustração e Banda Desenhada, e responsável pelos catálogos Geral e da mostra Ilustração Portuguesa.

Enquanto jornalista, trabalhou nos jornais Expresso e Independente, e ainda na RTP, SIC e TSF.

Já durante o confinamento imposto pela pandemia de Covid-19, João Paulo Cotrim criou, em 2020, “Torpor. Passos de voluptuosa dança na travagem brusca”, uma revista digital gratuita criada e disponibilizada pela editora Abysmo.

Nascido em Lisboa, a 13 de março de 1965, teve um percurso marcado pela divulgação da banda desenhada. Dirigiu a Bedeteca de Lisboa, desde a sua abertura em 1996, até 2002, tendo organizado diversas exposições, entre as quais 'Jogo da Glória – O Século XX Malvisto pelo Desenho de Humor'.

Durante quatro edições, foi diretor do Salão Lisboa de Ilustração e Banda Desenhada, e responsável pelos catálogos Geral e da mostra Ilustração Portuguesa.

Enquanto jornalista, trabalhou nos jornais Expresso e Independente, e ainda na RTP, SIC e TSF.

Já durante o confinamento imposto pela pandemia de Covid-19, João Paulo Cotrim criou, em 2020, “Torpor. Passos de voluptuosa dança na travagem brusca”, uma revista digital gratuita criada e disponibilizada pela editora Abysmo.

ler mais
ler menos